Conceito de Zodíaco

Na observação das estrelas, podemos perceber que algumas delas se apresentam de diferentes formas e que cada conjunto formado é uma constelação. As civilizações da antiguidade deram um nome para cada constelação (conjunto de estrelas) e sua totalidade denomina o Zodíaco.

Divisões e representações de vida no espaço

O Zodíaco é a divisão do espaço das diferentes constelações existentes na cultura babilônica e mesopotâmica. Há um total de doze constelações (Áries, Touro, Gêmeos, Leão, Câncer, Virgem, Libra, Escorpião, Sagitário, Capricórnio, Aquário e Peixes). Este é o zodíaco ocidental e cada uma das constelações corresponde a um signo zodiacal, segundo a explicação da astrologia.

Zodíacos menos conhecidos popularmente

Deve-se levar em conta que há outros zodíacos também: o da cultura árabe, egípcia, chinesa e da cultura maia. De qualquer forma, cada signo zodiacal equivale a um horóscopo e está baseado na posição dos astros no momento do nascimento, influenciando cada indivíduo.

Cada signo zodiacal possui uma constelação correspondente, algumas datas, um elemento e um planeta regente. Assim, podemos dizer que uma pessoa é do signo de Virgem porque nasceu entre o dia 23 de agosto e 22 de setembro, seu elemento natural é a Terra e está regido pela influência do planeta Mercúrio.

A eterna polêmica sobre o zodíaco

Todo mundo conhece seu signo do Zodíaco, pois se trata de algo enraizado na cultura. Entretanto, há duas posições diferentes. Uns acreditam que a astrologia é uma ciência e que a posição das constelações no momento do nascimento tem influência nos acontecimentos de cada indivíduo. Outros consideram que a astrologia é uma pseudociência e que não há provas que comprovem sua veracidade. Estas duas posturas são praticamente irreconciliáveis.

A busca pelo conhecimento

O conhecimento do zodíaco se tornou uma técnica de adivinhação milenar e de grande popularidade em diferentes culturas. Apesar de não haver uma resposta definitiva e conclusiva sobre o zodíaco e a relação do horóscopo em nossas vidas, é evidente que este conhecimento produz uma atração especial em vários setores da população. A comunidade científica desacredita este conhecimento, mas ainda tem um grande número de seguidores e apaixonados.

O mundo do zodíaco tem inúmeras ramificações: estudos de astrologia, consultas de adivinhação, debates nos meios de comunicação, assim como o desejo de encontrar respostas individuais a todo tipo de perguntas.

Foto: iStock, Baloncici

>> Próximo - Que Conceito >>


Relacionados Zodíaco