Conceito » Verso

Conceito de Verso




VersoDe modo geral, o termo verso se refere a uma palavra ou conjunto destas que se encontram sujeitas a uma medida e um ritmo ou apenas a este último. E também na obra literária que cumpre rigorosamente estas regras anteriormente mencionadas será denominada a palavra verso. No entanto, com o objetivo de marcar contraste e diferenciar o verso da prosa, é com a palavra verso chamada no gênero literário que estão inscritas os tipos de obras que respeitam e cumprem as características mencionadas.

Assim mesmo, o verso é uma forma literária que vem se desenvolvendo desde tempos remotos e inclusive tem sido excelente a quantidade de versos escritas nas diferentes culturas, sempre girando os mesmos em torno de um recurso literário concreto. Por exemplo, os hebreus compunham os versos baseando-se no critério do paralelismo semântico, mas, na época medieval, os povos germânicos usaram o modo de alteração de pelo menos três palavras por cada verso.

A poesia greco-latina clássica, por sua vez, caracterizou-se pela repetição de uma sequência determinada de sílabas longas e curtas. Já a poesia clássica europeia deu ênfase à rima e ao ritmo acentual.

Concretamente, poderíamos situar a criação do verso na época de ouro das composições gregas clássicas, embora o verso não seja rimado ainda, mas também consistia na repetição de uma determinada sequência de sílabas longas e curtas e do compasso acentual. No entanto, o verso rimado, tal como conhecemos hoje, tem sua origem na península itálica a instâncias da Idade Média.

Para aqueles que acreditam firmemente que a poesia está entre a música e a prosa, o verso é uma prosa de alguns dos vários elementos que formam a música, porque toda canção com letra deve estar composta em clave de verso para poder adaptar-se a música instrumental. Então, uma vez esclarecido este ponto, o tempo, o compasso, o ritmo e a melodia, são os elementos que o verso toma da música.

Assim, o tempo estará determinado pela velocidade da expressão marcada pelo número fixo de sílabas da recitação, o ritmo, por sua vez, pela colocação dos acentos, o compasso através da alternância dos diferentes tipos de versos e estrofes, e a melodia pela repetição sistemática de um refrão ou rima.

Por outro lado, podemos encontrar com uma grande variedade de estruturas no verso, entre elas: verso rimado ou com rima; verso branco ou solto, aquele sem rima, mas com um número fixo de sílabas e acentos concretos. E o verso livre, que é aquele que não tem rima nem um número pré- estabelecido de sílabas.

>> Próximo - Que Conceito >>


Este artigo vale a pena? Por favor nos ajude a divulga-lo curtindo ou compartilhando :)