Conceito de Troiano

TroianoO termo nos leva a história da Grécia na qual um enorme cavalo foi deixado pelos gregos como lembrança da guerra que haviam disputado. Infelizmente para os troianos, o cavalo estava oco e cheio de soldados gregos, assim durante a noite não duvidaram em abrir as portas da cidade amuralhada de Troia e deixá-la indefesa diante das tropas gregas.

A partir disso, todo troiano é conhecido como aquele que finge ser o que não é para infiltrar-se na casa do outro. Na informática, troiano é um programa que diz pretender algo para depois recopilar informação do computador e, desta maneira, averiguar nossos dados bancários, assim como do cartão de crédito com o propósito de arrancar todo o dinheiro. Também pode deixar o controle do computador nas mãos de alguém que não desejamos e com isso publicar coisas desagradáveis nas redes sociais do nosso não interesse.

O normal para proteger-se é usar um bom antivírus e assim ao navegar por sites suspeitos usar uma conta de convidado. Esta conta do Windows não permite instalar programas, mas possibilita baixar músicas, ver filmes online, etc. Os troianos costumam vir de páginas pouco populares e também através de unidades portátil USB. Os vírus mais comuns costumam vir de páginas de conteúdo erótico que não obedecem às normas de regulamentação estabelecidas por cada país. Um troiano é difícil de ser detectado, pois fica escondido por uns dias (às vezes por meses) até que o mesmo apareça no sistema.

Se o computador é usado para fazer compras online e transações bancárias, é necessário fazer um escaneamento com um bom antivírus pelo menos uma vez ao mês. (FOTO)

Sua expansão é dada pela plataforma Windows. Muitos acreditam que ao usar o Linux ou Mac estão protegidos por um sistema mais seguro. O que acontece é que para programar um troiano é necessário determinar o sistema operacional que será enviado. Um troiano programado para Windows não funciona em plataforma Mac. Como a maior parte dos computadores são de sistema Windows, são programados vírus para esta plataforma, pois nela há mais possibilidades de alguém baixar um aplicativo que esconde um troiano.

>> Próximo - Que Conceito >>


Para citar no seus trabalhos (Norma ABNT):

Troiano. QueConceito. Sao Paulo.
Disponível em: < http://queconceito.com.br/troiano >. Acesso em: [data-na-qual-o-artigo-foi-visto]

Relacionados Troiano