Conceito de Transferência (Psicoanálise)

Transferencia-PsicoanaliseA teoria da psicoanálise conta com uma ampla diversidade de conceitos. Neste artigo vamos analisar o conceito da transferência. Um conceito que se refere à relação estabelecida entre um psicoanalista e um paciente durante um processo de terapia. Uma relação de ajuda através da qual o paciente se conhece melhor, clarifica suas ideias e sabe o que quer. A transferência se refere a uma sensação que surge de um vínculo afetivo quando uma pessoa renasce graças a uma nova relação ou a um sentimento do passado.

Por exemplo, uma pessoa pode sentir-se muito bem diante da companhia de um novo amigo, uma vez que esse amigo lhe faz lembrar alguma vivência do passado. Trata-se de um processo totalmente inconsciente. Freud utiliza o conceito da transferência, no contexto da relação com o terapeuta, para explicar o desvio de afeto do paciente para com seu médico. Através dessa transferência, o analista se torna um agente fundamental no processo de recuperação do paciente, bem como em situações complexas como a superação de um trauma.

Entretanto, a verdadeira chave surge na forma como o analista administra essa transferência, uma vez que existem exemplos claros de como ela pode ser mal administrada. Assim ocorre, por exemplo, quando uma paciente se apaixona pelo seu psicoterapeuta.

A relação analítica representa o papel educativo de uma pessoa que se torna referência para o paciente. O indivíduo cria expectativas sobre seu analista, a quem situa como ideal. O paciente idealiza seu psicoterapeuta de forma totalmente inconsciente. Em certas ocasiões, a transferência também mostra a dualidade de sentimentos opostos entre amor e ódio, uma luta interior em que o paciente projeta pontos importantes de sua vida afetiva para o terapeuta como se fosse uma espécie de espelho que potencializa o autoconhecimento de poder olhar para dentro de si com mais claridade e assim enfrentar situações do passado que ainda estão pendentes.

Portanto, a transferência representa um laço emocional muito significativo estabelecido entre o psicoanalista e o paciente, um laço que também pode ser estabelecido com outro tipo de vínculo, por exemplo, entre um professor e uma aluna; ou até mesmo entre um chefe e sua empregada.

>> Próximo - Que Conceito >>


Relacionados Transferência (Psicoanálise)