Conceito de Tiamina (Vitamina B1)

Tiamina-Vitamina-B1A tiamina, também conhecida como vitamina B1, é uma das vitaminas do grupo B.

Esta vitamina cumpre importantes funções no organismo sendo necessária sua presença para realizar as mais variadas reações que produzem energia, assim como para o bom funcionamento do sistema nervoso.

As principais fontes de tiamina são as cascas dos cereais sem processar, principalmente o arroz e o farelo do trigo. Também são encontradas nos ovos, no leite, nos grãos e nos frutos secos como o amendoim.

A carência de tiamina causa uma doença chamada beribéri, caracterizada pela presença dos sintomas provocados em consequência da extrema fraqueza produto da falta de produção de energia através do metabolismo dos carboidratos.

A maioria dos tecidos do organismo é capaz de obter energia através de duas vias, uma pelo metabolismo dos carboidratos e outra pela degradação das gorduras acumuladas no corpo. No caso do sistema nervoso, apenas emprega energia proveniente dos açúcares, por esta razão, ao ver-se afetada pelo processo de obtenção de energia através dos carboidratos, a pessoas com deficiência de tiamina desenvolvem certos transtornos colaterais que atingem o funcionamento neuronal e leva à falha da transmissão dos impulsos nervosos entre as diversas zonas do sistema nervoso central, da mesma forma que se vê afetada a produção da membrana que reveste as extensões dos neurônios ou axônios, conhecida como bainha de mielina, o que atinge finalmente o funcionamento das raízes nervosas ou sistema nervoso periférico, ocasionando certos incômodos como dor, perda da força e paralisia com diminuição do tom muscular.

Os outros sintomas cujo funcionamento depende da atividade muscular também são afetados por esta doença, como é o caso do sistema cardiovascular e do sistema digestivo.

O coração ao ser formado por um músculo também sofre este processo de debilidade que ocasiona a insuficiência cardíaca e vem acompanhada por manifestações como dificuldade em respirar, edema nas pernas e acúmulo de líquido no abdômen e nos pulmões.

Por sua vez, o sistema digestivo precisa dos movimentos rítmicos de todo o tubo digestivo para transportar o alimento da boca até o ânus, assim a fraqueza muscular por carência de tiamina é capaz de afetar estes movimentos causando uma dilatação do intestino, retardando a evacuação, a digestão e o surgimento da prisão de ventre por hipomotilidade intestinal.

O déficit de tiamina é pouco frequente hoje em dia, especialmente porque muitos alimentos de consumo massivo vêm enriquecidos com esta e outras vitaminas. A maioria dos casos existentes hoje em dia é apresentada em alcoólatras, onde a ingestão do álcool junto com absorção da tiamina age no intestino levando a sua deficiência.

>> Próximo - Que Conceito >>


Relacionados Tiamina (Vitamina B1)