Conceito de Reprovado

ReprovadoO significado que melhor explica a palavra reprovado se aplica à qualificação escolar que se encontra abaixo de aprovado. Assim, quando dizemos um aluno foi reprovado em alguma matéria significa que ele não alcançou a média desejada de uma prova ou exame, portanto, sua nota obtida não foi satisfatória.

Mesmo que um aluno seja reprovado não significa que ele não possui conhecimentos suficientes. Não é o mesmo reprovar um aluno com nota 4,5 do que um aluno que tirou 0 na prova (no primeiro caso o aluno está muito perto da aprovação). Em qualquer caso, na área escolar, reprovar é sinônimo de fracassar e costuma ter consequências: não passar para o ano letivo seguinte ou ter que realizar um período e uma prova de recuperação sobre o que não foi aprovado.

Momentos de tensão em que se sente pressionado

A ideia de estar reprovado também pode ser aplicada a outras circunstâncias em que é necessária a realização de uma prova para avaliação, por exemplo, para obter a carta de motorista, para passar em um concurso, para ter acesso a uma instituição qualquer, etc.

A reprovação em uma prova pode causar reações psicológicas diversas no indivíduo como a sensação de derrota temporária, estímulo para enfrentar o desafio de ser aprovado em uma nova ocasião ou a renúncia definitiva do objetivo.

Outros significados em relação à Perplexidade e Tensão

Quando uma pessoa se encontra desorientada e tem dúvidas sobre algo, apresenta um sentimento de incerteza. Nestas circunstâncias, reprovar indica perplexidade “me senti reprovado com a situação”. Esta aceitação é parecida com a ideia de reprovação na literatura e no cinema, ou seja, a tensão do leitor ou do espectador diante de alguns acontecimentos incertos ou imprevisíveis.

Formas de expressões

Não se deve confundir a palavra reprovado com suspenso, pois no idioma espanhol o termo suspenso significa reprovado e não impedido como no português, ou seja, quando queremos dizer que algo foi interrompido de maneira temporária e está à espera de uma resolução definitiva. Deixar algo suspenso determina uma paralisação com algum propósito, por exemplo, vamos supor que uma pessoa tem que decidir sobre algo importante, mas prefere pensar antes de tomar alguma decisão, neste caso, a pessoa prefere deixar suspensa sua decisão até que tenha absoluta convicção de como vai agir. O recurso de não decidir de momento pode parecer suspeito, mas é assim que se ganha tempo para uma decisão de responsabilidade.

>> Próximo - Que Conceito >>


Para citar no seus trabalhos (Norma ABNT):

Reprovado. QueConceito. Sao Paulo.
Disponível em: < http://queconceito.com.br/reprovado >. Acesso em: [data-na-qual-o-artigo-foi-visto]

Relacionados Reprovado