Conceito de Reflorestamento

ReflorestamentoO reflorestamento é a atividade ou ação ambiental de plantar árvores e demais vegetações em zonas que foram desmatadas. Sua finalidade é de tipo meio ambiental, não se pode esquecer que a massa florestal é essencial para o oxigênio que respiramos, regula o clima e é o habitat natural de espécies vegetais e animais.

Quando falamos em reflorestamento, deve-se levar em conta que antes disso ocorreu um fenômeno oposto: o desmatamento, ou seja, a destruição florestal.

Com o objetivo de voltar ao tempo

Em termos gerais, o reflorestamento é uma tentativa de recuperar um espaço natural que já foi destruído devido a diversos fatores, tais como a industrialização, a criação de espaços dedicados à agricultura e à pecuária, novas infraestruturas, necessidade de moradia, incêndios, entre outros.

A luta permanente pela proteção das florestas no mundo inteiro

A destruição de milhões de hectares de florestas em todo mundo serviu para criar prosperidade e riqueza. Entretanto alguns consideram que este avanço é aparente, pois o desaparecimento da floresta tem originado mais inconvenientes do que vantagens. Diante desta destruição trágica, alguns grupos de ecologistas trabalham em duas linhas de atuação: o reflorestamento e a preservação das florestas.

Considerações técnicas

A plantação de árvores na atualidade acontece através dos planos nacionais de reflorestamento e da iniciativa de grupos de ecologistas ou de algumas comunidades que lutam para recuperar seus espaços naturais. Para que este processo seja bem-sucedido é necessário considerar uma série de aspectos técnicos: as características do solo (especialmente sua profundidade e textura), o estrato herbáceo e a erosão do terreno. Outra questão que deve ser valorizada é uma espécie de árvore mais idônea para um reflorestamento efetivo, especialmente para sua adaptação às condições climáticas de cada lugar.

Uma tarefa organizada para alcançar melhores resultados

Na estratégia de replantar as florestas novamente, deve-se organizar um sistema de viveiro florestal, um local para plantar as sementes com os nutrientes mais adequados e sob as melhores condições. Por outro lado, é preciso criar uma infraestrutura básica em relação a uma série de aspectos técnicos nos viveiros: um sistema de irrigação; um hibernáculo para proteger as plantas do calor do verão; um sistema de conservação das sementes e um procedimento para manter o solo do viveiro, também conhecido como substrato.

Por último, como uma ação prévia ao reflorestamento definitivo, deve-se fazer uma limpeza do terreno que combina o uso de herbicidas para controlar as ervas daninhas, assim como a elaboração de um traçado do terreno ou demarcação da plantação que dependerá das características do mesmo.

Foto: iStock - Maica

>> Próximo - Que Conceito >>


Relacionados Reflorestamento