Conceito de Premeditado

PremeditadoNa vida existem várias formas de atuação. Por exemplo, é possível agir por simples impulso, o que significa improvisar as atuações em função do momento. Mas em compensação, existem muitas decisões que respondem a um bom planejamento, isto é, existe uma premeditação. Um ato é considerado premeditado quando é bem refletido e meditado previamente. Quando uma pessoa valoriza as consequências de uma ação antes de colocá-las em prática, elabora um plano premeditado para optar por um que seja mais conveniente a si próprio.

Quando algo foi feito de propósito significa que tem sido premeditado, ou seja, quando não foi fruto do azar ou da casualidade. Por detrás de um ato premeditado, existe sempre uma ação concreta que se conecta a um plano estratégico, a um desejo interior e a um objetivo. As pessoas têm capacidade de agir de forma premeditada quando possuem a maturidade suficiente, em compensação, na infância, é mais difícil esperar atos premeditados das crianças.

Uma pessoa não só pode cometer atos bons e nobres, como também pode cometer falhas. Por exemplo, pode cometer uma ofensa. Neste caso, o ofendido pode perguntar-se se essa ofensa tem sido premeditada ou não. A intenção que existe por trás de um ato lhe dá uma explicação mais racional. Daí quando temos um conflito com outra pessoa, ficamos mais tranquilos assim que conhecemos o assunto e as intenções dessa pessoa.

Geralmente quando uma pessoa se desculpa com a outra, ela explica que a situação não foi premeditada. Da mesma maneira que existem casos que podem ser planejados de forma premeditada, existem outros que não estão abertos a essa possibilidade por não responderem cem por cento à vontade própria. Por exemplo, é impossível pensar que uma pessoa pode decidir apaixonar-se pela outra de modo premeditado, pois os sentimentos não são dirigidos como uma equação matemática.

Na vida, existem fatores que são imprevisíveis em termos profissionais, pessoais e na saúde. Mas, além disso, existem relações pessoais que são contrárias à vontade do outro. Esta é uma das razões que torna aconselhável viver o dia a dia e frear a tendência de planejar uma rotina com muito tempo de antecedência. A vida pode romper com os planos pessoais planejados antecipadamente.

>> Próximo - Que Conceito >>


Para citar no seus trabalhos (Norma ABNT):

Premeditado. QueConceito. Sao Paulo.
Disponível em: < http://queconceito.com.br/premeditado >. Acesso em: [data-na-qual-o-artigo-foi-visto]

Relacionados Premeditado