Conceito de Preferência

PreferenciaCada pessoa tem seus próprios gostos pessoais em qualquer área da vida, suas preferências em relação ao estilo de vida ideal, com gostos gastronômicos, sobre cores, estilos na decoração da casa, etc. Uma preferência mostra um interesse específico por uma opção que se conecta com uma afinidade pessoal ou com uma subjetividade.

As pessoas como seres racionais tem a capacidade de tomar decisões, de fato, qualquer pessoa pode tomar decisões de forma constante optando por uma opção em vez de outra. Existem preferências mais superficiais como, por exemplo, o look escolhido para ir a um compromisso de trabalho, mas existem outras preferências mais importantes que exigem uma reflexão mais transcendente. Por exemplo, a compra de uma casa, a procura pelo emprego ideal, ou inclusive, a escolha sobre ter ou não um cônjuge.

Sempre que se toma uma decisão na vida de acordo com uma preferência significa que está optando por um caminho, mas também pode fechar algumas portas. Algo que pode custar muito às pessoas que têm a vontade caprichosa e infantil, ou seja, que querem ter tudo e isso é literalmente impossível.

Em certas ocasiões, duas preferências pessoais podem ser opostas entre si dando lugar a um conflito momentâneo. Assim acontece, por exemplo, em uma relação de casal quando ao organizar as férias de verão, um opta por um destino enquanto que o outro tem interesse por outro destino. Também pode acontecer que ao ir ao cinema para ver um filme, um deles prefira uma história de ação enquanto o outro prefira uma histórica mais romântica.

As preferências são individuais, porém frequentes em função da situação. Também se deve dialogar, negociar e aprender a ceder para deixar para trás o interesse individual ou bem comum. Entretanto, é muito importante que uma pessoa não renuncie por completo a suas preferências para agradar o outro. Assim acontece no caso das pessoas que devido a uma baixa autoestima pensam sempre em agradar os outros.

Você tem que dar importância a si mesmo e encontrar seu próprio espaço para saciar seus interesses e desejos de forma livre. Além disso, em um gesto de amor, você poder atender as preferências do outro. Por exemplo, ao saber que sua mãe gosta de ir ao cinema, você pode convidá-la para ver um filme apenas pelo fato de compartilhar alguns momentos juntos.

>> Próximo - Que Conceito >>


Relacionados Preferência