Conceito de Nervos

NervosAs pessoas podem sentir nervosismo em qualquer momento. O nervosismo mostra essa sensação de impaciência na boca do estômago. Qualquer pessoa se irrita diante de uma situação nova e que saia de sua zona de conforto. Por exemplo, é normal sentir nervosismo diante de uma entrevista de emprego, de uma prova, de uma apresentação, etc. Neste caso, sentir nervos significa sentir interesse pelo objetivo em questão. Do contrário, quando um estudante sente indiferença ao realizar um exame, não sente nervos.

A partir de outro ponto de vista, existe também uma fase muito bonita da vida em que uma pessoa experimenta o nervosismo, ou seja, um formigamento especial no coração. Quando uma pessoa está apaixonada experimenta essa espécie de frio no estômago que é uma mostra da ansiedade que surge diante da incerteza do amor. A dúvida de não saber se esta história terá futuro ou se a outra pessoa sente o mesmo faz com que os apaixonados sintam impaciência e inquietude em seus primeiros encontros.

Além disso, uma pessoa também pode perder os nervos diante de um ataque de ira, o que significa perder o controle da situação e dizer coisas que na realidade não queria dizer. Quando uma pessoa está muito nervosa não consegue pensar com clareza, vive uma grande tensão e observa a realidade com irritação. Por isso, quando uma pessoa está muito nervosa é importante realizar exercícios de relaxamento, respirar profundamente e buscar um lugar tranquilo.

Por outro lado, o excesso de nervosismo também está vinculado à ansiedade. A ansiedade pode ser superada, mas é fundamental seguir as recomendações do médico de acordo com cada caso em particular.

O nervosismo mostra também a sensação de incômodo que uma pessoa experimenta quando enfrenta uma situação que lhe causa certo temor. Por exemplo, uma pessoa muito tímida costuma ficar nervosa quando tem que falar em público. As pessoas ficam nervosas com mais frequência quando são obrigadas a sair da zona de conforto diante de situações novas; já as situações rotineiras deixam as pessoas cômodas.

Há pessoas que deixam de fazer coisas que lhes trazem certo nervosismo, quando na realidade, evitar não é um bom mecanismo. Enfrentar a realidade é sempre a melhor opção.

>> Próximo - Que Conceito >>


Para citar no seus trabalhos (Norma ABNT):

Nervos. QueConceito. Sao Paulo.
Disponível em: < http://queconceito.com.br/nervos >. Acesso em: [data-na-qual-o-artigo-foi-visto]

Relacionados Nervos