Conceito » Liberalismo

Conceito de Liberalismo




LiberalismoA história do Liberalismo está intimamente ligada à história da democracia, com isso se torna especialmente difícil encontrar algo de consenso sobre o que há de Liberalismo e democracia dentro do que hoje chamamos democracia liberal. Mesmo com um conceito difícil de definir se denomina Liberalismo como uma doutrina econômica, política e até mesmo filosófica dentro de uma teoria sobre a sua funcionalidade na sociedade e, consequentemente, uma colocação das coisas que devem ser feita para um desenvolvimento.

O Liberalismo é uma doutrina política, econômica e social que como norma defende a liberdade individual e não aceita a intervenção do Estado nos assuntos civis. Também se conceitua Liberalismo como um sistema político-religioso que prega a absoluta independência do Estado em suas organizações e funções.

Liberalismo também é considerado como uma doutrina que busca o desenvolvimento da liberdade pessoal individual como meio para conseguir-se o progresso da sociedade. O Liberalismo na prática implica que o homem como ser racional seja o mesmo que decida sua própria forma de pensar e sua maneira de atuar; em síntese, ser possuidor de liberdade de pensamento, liberdade de locomoção, liberdade de educação, liberdade de culto e liberdade para escolher seus governantes.

Contrario ao absolutismo, o Liberalismo tem suas bases teóricas que sinteticamente se traduzem em que a sociedade como um todo está regida por leis naturais universais permanentes, no tangente ao assunto econômico se rege unicamente pelo interesse pessoal, e a competência dos esforços individuais pode perfeitamente garantir o triunfo daqueles que possuem mais habilidades e em consequência se apresentam como melhores. O destino do homem, de acordo com as bases Liberalismo, se rege totalmente pelas ações livres de individualidade. O Estado, neste caso, deve ater-se somente a conseguir a segurança interna e a defesa do país deixando todos os demais problemas por achar-se que o Estado somente serve para estes assuntos e no que passa disso é totalmente desnecessário e quando foge dessa perspectiva somente serve para desorganizar e entorpecer.

Existem três formas de liberalismo: O Liberalismo Econômico, O Liberalismo Social e o Liberalismo Político e todos se baseiam na estrita liberdade e o afastamento do Estado nas responsabilidades e pensamentos do cidadão. Como destaque, devemos mencionar que estas correntes liberais contam com uma infinidade de variações e teve nomes como John Locke, Montesquieu, Rousseau, Adam Smith y John Stuart Mill como seus defensores e promovedores entre muitos outros.

>> Próximo - Que Conceito >>


Este artigo vale a pena? Por favor nos ajude a divulga-lo curtindo ou compartilhando :)