Conceito de Granizo

GranizoO granizo é um fenômeno climático muito comum de nosso planeta composto de água congelada em formato de bola e similar ao gelo que congelamos nas geladeiras ou freezers de nossas casas. O mesmo se precipita das nuvens até a superfície e costuma oscilar de tamanho entre os 5 e 50 milímetros de diâmetro, de qualquer forma, há casos que superam consideravelmente essa média.

Vale destacar que o granizo é um fenômeno que vem acompanhado das chuvas e tempestades, ou seja, não existe uma queda de granizo, apenas de chuvas. No entanto, o granizo tem sua origem dentro dos chamados cumulonimbus, que são nuvens gigantescas em sentido vertical formadas por uma tremenda massa de ar quente e úmido, sendo assim, fortes ventos se somam a estas nuvens, causam o esfriamento e a posterior queda de granizo.

A solidez que apresenta o granizo e também a virulência que se precipita costuma causar sérios danos materiais sobre superfícies especialmente sensíveis como os automóveis, muitas vezes danificados pela queda de granizo, sem contar com as bolas de gelo que atingem as pessoas e também causam danos físicos.

Não é por acaso que na linguagem popular o granizo costuma ser chamado de pedra, assim é comum escutarmos que choveu pedra.

Outra atribuição que podemos dar a este termo, embora menos comum, seria designar aquela nuvem grossa que se forma nos olhos de algumas pessoas mais velhas.

As tempestades que trazem o granizo e se desenvolvem ao longo do planeta costumam ser mais comuns em zonas com climas tropicais. Inclusive, os danos que causam estas tempestades acompanhadas de granizo são muito graves.

Felizmente a tecnologia vem desenvolvendo equipamentos como radares e satélites que permitem antecipar a queda de granizo e assim é possível alertar toda a população desta contingência e evitar danos colaterais.

>> Próximo - Que Conceito >>


Relacionados Granizo