Conceito de Farol Alto e Farol Baixo

Farol-Alto-Farol-BaixoAs luzes dos faróis são elementos básicos e importantes para qualquer veículo, não só por sua funcionalidade de iluminar as ruas, caminhos e lugares com pouca visibilidade, mas para permitir o correto e seguro deslocamento dos automóveis, até mesmo porque essas luzes são importantes sinais para a circulação dos veículos. Isso significa que além da luminosidade ou não de um caminho, existem certas regras de trânsito que exigem o uso de farol alto ou farol baixo; esses são os dois tipos de luzes mais empregados para determinadas circunstâncias de circulação.

Na maioria dos países, é obrigatória a circulação de veículos com as luzes de farol baixo acesas tanto durante o dia como durante a noite. Isto é, além da luz natural existente e das condições de visibilidade é necessário o uso de farol baixo aceso a todos os automóveis.

Devemos destacar que a exceção à regra ocorre quando é obrigatório circular com as luzes de farol alto. Por exemplo, nas zonas rurais ou nas rodovias é obrigatório trafegar sempre de farol alto, exceto no cruzamento com outros veículos que estiverem em posição contrária, pois obviamente, desta forma, pode deixar o outro sem visão nenhuma e oferecer sérios riscos de acidente.

Este é sem dúvida o principal problema do uso de farol alto nos contextos mencionados, inclusive, muitas vezes isso não é respeitado por negligência ou falta de atenção dos motoristas e assim ocorrem vários sinistros. Geralmente uma pessoa bate o carro quando não enxerga o outro por causa da visão interrompida com a luz de um farol alto.

Desta maneira, tanto os faróis altos como os baixos são elementos essenciais que um motorista deve ter em seu veículo e saber utilizar de maneira eficiente para evitar muitos acidentes.

Além disso, o farol alto também é utilizado pelos motoristas para pedir passagem ao outro condutor e circular livremente.

>> Próximo - Que Conceito >>


Relacionados Farol Alto e Farol Baixo