Conceito de Éons

eonsComo sabemos o estudo do planeta Terra é muito complexo da mesma maneira que a entidade que o observa também é, no entanto, cientistas e estudiosos na matéria utilizam diversas ferramentas para aprofundar seus estudos e conhecimentos que também são cuidadosos e particularmente estruturados para que sejam mais acessíveis e reconhecidos.

É neste caminho que aparece o termo éon que será tratado neste artigo. Os éons significam a determinação dos períodos divididos na história do planeta Terra pelos geólogos, sendo três entre eles mais precisamente.

Isto é, o éon representa a divisão máxima de tempo existente utilizado na escala temporal geográfica. Este é o único marco de referência dos humanos para representar de maneira organizada e cronológica os diversos acontecimentos que tiveram lugar na história do planeta.

No entanto, vale destacar sua importância na hora de compreender porque começa ou termina um éon. Esta situação de começo ou fim está determinada pelas mudanças substanciais e importantes no que diz respeito à evolução dos seres vivos.

Também é importante esclarecer que um éon não significa a determinação de uma quantidade de anos exata, jamais houve um acordo para seu estabelecimento e a ideia de seu uso serve para indicar a importância do tempo em um éon.

Para compreender melhor esta estratificação realizada pela geologia que consiste em conhecer o planeta que habitamos, devemos indicar que a divisão antecedida pelo éon é formada pelo superéon, ou seja, as famosas eras cenozoica, paleozoica, mesozoica, entre outras.

E finalmente deve-se dizer que os três principais éons são: fanerozóico, proterozóico e arcaico. O primeiro se caracteriza pela vida evidente de certos organismos macroscópicos como plantas, animais, fungos, entre outros; o seguinte se refere a grandes acontecimentos como as primeiras geleiras; e o último apresenta os grandes movimentos das placas tectônicas que deram lugar à estrutura planetária de hoje em dia.

>> Próximo - Que Conceito >>


Relacionados Éons