Conceito de Elasticidade

ElasticidadeO termo elasticidade se refere à capacidade da física que permite que alguns elementos mudem sua forma de acordo com seu estresse físico (ou seja, um estiramento) ou se estão em posição de repouso. Alguns materiais têm a propriedade de serem elásticos e, portanto, são usados para a fabricação de produtos úteis (por exemplo, alguns tecidos que devem ser adaptados à forma do corpo de uma pessoa).

A elasticidade é uma propriedade aplicada a vários elementos, tanto naturais como artificiais (ou seja, criados pelo homem). Esta propriedade significa que o elemento possui forma, tamanho e um determinado tipo de característica em estado de repouso que varia ao ser esticado ou quando está sob tensão. Um claro exemplo de elasticidade está nas borrachinhas de elástico. Quando estão em repouso, apresentam forma e tamanho específico, já sob tensão elas podem esticar, torcer, enrugar, etc.

Muitos elementos como papel, vidro (em estado frio), papelão e cerâmica são elementos que não possuem qualquer tipo de elasticidade e que diante de uma situação de tensão ou golpe são destruídos, perdendo sua forma original e naturalmente não podem ser montados novamente.

A elasticidade é uma propriedade também encontrada em muitos órgãos, tecidos e músculos do corpo, além de ter a capacidade de crescer e tornar-se elástica de acordo com diferentes situações. Um claro exemplo de órgão elástico é o estômago, que pode aumentar várias vezes seu tamanho original e, em seguida, retornar ao seu estado de repouso após realizar o processo de alimentação. Normalmente, no caso dos órgãos e dos músculos, a elasticidade está relacionada à hidratação, pois a falta de água (como ocorre na pele) pode rachar e atrofiar os diferentes tecidos

>> Próximo - Que Conceito >>


Para citar no seus trabalhos (Norma ABNT):

Elasticidade. QueConceito. Sao Paulo.
Disponível em: < http://queconceito.com.br/elasticidade >. Acesso em: [data-na-qual-o-artigo-foi-visto]

Relacionados Elasticidade