Conceito de Cromatina

CromatinaA cromatina é um termo empregado para referir-se a um pigmento localizado no interior do núcleo das células, está formada pelo DNA e um grupo de proteínas necessárias para que se organize de forma adequada.

O DNA é uma molécula de cadeia dupla que possui toda informação genética dos seres vivos. Atua como um grande receituário para explicar como se fabrica cada uma das proteínas do corpo. Se estivesse completamente esticada a molécula de DNA de cada molécula mediria aproximadamente uns 2,3 metros.

A única maneira desta cadeia se manter dentro de uma estrutura microscópica como núcleo da célula, que mede aproximadamente a centésima parte de um milímetro, é estar organizada de tal forma que ocupe o menor volume possível. Isso pode ser conseguido através de um processo de “superenrolamento” que consta com vários níveis.

O primeiro nível está determinado pelo enrolamento de partes da cadeia sobre umas proteínas chamadas histonas, estas que originam os nucleossomos e por sua vez se enrolam entre si para formar os genes, que são unidades de informação para fabricar cada proteína e assim os genes se unem para formar os cromossomos. Em uma célula humana existem 46 cromossomos organizados sob a forma de 23 pares, dos quais um par é de natureza sexual e tem como função determinar o sexo do indivíduo.

Existem dois cromossomos relacionados ao sexo, o cromossomo X e o cromossomo Y, o óvulo e o espermatozoide possuem apenas 23 cromossomos cada um. Quando ocorre a fecundação os cromossomos do óvulo se juntam com os do espermatozoide formando novamente 23 pares, assim o óvulo sempre tem um cromossomo sexual do tipo cromossomo X, entretanto, os espermatozoides são de dois tipos, uns possuem cromossomo X e outros cromossomo Y. Quando um espermatozoide com cromossomo X fecunda um óvulo origina um novo ser com cromossomo XX que se diferenciará como fêmea, já quando a fecundação ocorre por um espermatozoide Y origina um embrião com cromossomo XY que se tornará um macho.

Este superenrolamento do DNA não é igual em toda cadeia, existem áreas menos enroladas para que a máquina encarregada de replicar e corrigir os erros de transcrição do DNA possa ter acesso à molécula e cumprir assim sua função. Isso tem como consequência a possibilidade de identificar áreas menos e mais densas dentro da cromatina.

>> Próximo - Que Conceito >>


Para citar no seus trabalhos (Norma ABNT):

Cromatina. QueConceito. Sao Paulo.
Disponível em: < http://queconceito.com.br/cromatina >. Acesso em: [data-na-qual-o-artigo-foi-visto]

Relacionados Cromatina