Conceito de Cleptomania

CleptomaniaO que é cleptomania? Trata-se de uma conduta que mostra um distúrbio no controle dos impulsos, uma vez que uma pessoa que sofre de cleptomania sente um enorme desejo de roubar as coisas (mesmo sem precisar). Não se trata de roubar objetos de valor, uma pessoa que sofre de cleptomania costuma roubar objetos de pouco valor em qualquer loja que entre.

Uma pessoa com cleptomania não rouba de forma consciente ou simplesmente porque quer, trata-se de um grave transtorno mental. Então, quais são os sintomas da cleptomania?

1. A pessoa sofre de um grande impulso interior, há uma força inexplicável que se transforma em tentação de roubar qualquer objeto.

2. A pessoa tem prazer em roubar algo (sente alívio), no entanto, pouco depois se sente tremendamente culpada por ter cometido tal ato e se culpa por isso.

Qual a diferença de um roubo consciente do que um roubo de uma pessoa que sofre de cleptomania? A pessoa com cleptomania não rouba pensando em beneficio próprio, trata-se de um problema real, um impulso tão forte que a pessoa não é capaz de controlar.

Outra diferença entre um roubo consciente e de uma pessoa que sofre de cleptomania é a ação. O primeiro tipo de roubo é programado e planejado, enquanto o segundo não é. Esse roubo é fruto da improvisação do momento, do impulso que surge fortemente na pessoa e que em certos momentos é mais forte que ela mesma.

Vale resaltar que uma pessoa portadora de cleptomania pode receber tratamento médico. É muito importante que ela peça ajuda para acabar com o problema. Algumas pessoas não comentam a doença por medo ou vergonha.

Em certos casos, quando a doença não é tratada a tempo, a cleptomania pode ocasionar problemas sociais, com a justiça (pois todo roubo tem suas consequências) e também econômicos.

Existem alguns fatores de risco que podem aumentar as chances de sofrer a cleptomania como, por exemplo, ter antecedentes familiares. Outro fator de risco é sofrer de algum tipo de distúrbio mental.

Em relação à sociedade é muito importante não julgar moralmente as pessoas portadoras de cleptomania, uma vez que se trata de um problema real e que necessita de ajuda.

>> Próximo - Que Conceito >>


Relacionados Cleptomania