Conceito de Cidadania

Cidadania Denomina-se cidadania o que pertence a uma determinada comunidade política. Esta outorga uma série de direitos e obrigações que devem ser respeitados. Entre os direitos pode ser citado o direito a votar e eleger as autoridades que se considerem apropriadas, assim como o mesmo participar de qualquer bem que se derive da participação comunitária. Entre as obrigações podem ser citadas, a modo de exemplo, a obrigação de pagar impostos; pode ser resumido este aspecto no cumprimento da lei em geral.

O termo cidadania, para fazer alusão a esta participação comunitária, deve seu uso a circunstâncias históricas que nos remontam à civilização grega. Nessa época, a organização política estava centralizada em cada cidade, que formava um verdadeiro estado. É particularmente famoso o exemplo de Atenas, que se consistiu no primeiro caso de exercício da democracia. Nestas cidades só se consideravam cidadãos aos homens, na medida em que só estes podiam tomar as armas para proteger a cidade ante potenciais ataques externos. Esta concepção da cidadania foi adotada e desenvolvida pelo Império Romano.

Na atualidade, a condição de cidadão é obtida a partir de um determinado momento da vida humana em que se identifica com a maioridade, circunstância em que se considera que uma pessoa pode enfrentar com suficiente critério e capacidade as obrigações e direitos que lhe é deparado na convivência em comunidade.

Para o momento em que se produz este acontecimento de integração cidadã, são necessárias uma série de conhecimentos básicos sobre o comportamento da sociedade e sua organização política. É por isso que durante o processo educativo que forma cada indivíduo e que é obrigatório, estão incluídos conteúdos obrigatórios sobre participação cidadã. Nestes se dá conta dos direitos e obrigações que o educando obterá ao chegar à idade correspondente.

Mais uma leitura:

Com o desenrolar da história da humanidade, tornou-se muito comum confundir-se o conceito de cidadania com as virtudes dos direitos humanos. A cidadania não é um termo que tem definição estática e se desenvolve com o passar do tempo. Tem referência com tudo aquilo que a humanidade conseguiu ao longo dos séculos. A cidadania é a expressão máxima de tudo aquilo que se refere a direitos; direito a viver, direito a ser livre, direito a possuir, direito a ser igual, etc., resumindo isto em direitos civis, direitos políticos e direitos sociais.

Porém, deve-se dizer que a cidadania não é somente usufruir destes direitos, a cidadania implica também em direitos. Com a cidadania o cidadão teve ser consciente de que existe uma série de responsabilidades quando se forma parte de um organismo tão complexo como pode ser uma comunidade. Na cidadania os sujeitos devem, para chegar a um objetivo final, compreender que esse termo deve mostrar duas caras da mesma moeda, ou seja, a obtenção de direitos e a obrigação dos deveres.

O termo provém do latim “civitas” que tem como significado “cidade”. Cidadania estabelece uma série de normas que devem ser seguidas pelos indivíduos de uma comunidade; um país, um Estado, etc., e que devem atender de boa fé as leis estabelecidas. A cidadania, mesmo sendo vista pelo lado de percepções antigas, possui seu próprio caráter.

Na Grécia antiga, na época de Platão e Aristóteles, todos aqueles que estivessem em condições de dar a conhecer suas opiniões sobre qual caminho devia seguir a sociedade, eram considerados cidadãos. Com esta primícia os comerciantes, os escravos e as mulheres, estavam excluídos e não podiam opinar sobre o destino do Estado e não eram considerados cidadãos. Neste grupo de excluídos também se encontravam os estrangeiros.

Como expressão de cidadania plena, temos o exemplo do voto. O cidadão, com seu voto, está exercendo a cidadania, ou seja, o voto expressa o discernimento, onde o próprio cidadão é consciente, possui a capacidade de criticar e de participar.

A cidadania se expressa em cada movimento do cidadão em uma comunidade com o todo. Exercer seus direitos de cidadania também implica em obedecer às leis e as normas. O conceito de cidadania é muito amplo, mas pode-se resumir em ter direitos e deveres.

>> Próximo - Que Conceito >>


Para citar no seus trabalhos (Norma ABNT):

Cidadania. QueConceito. Sao Paulo.
Disponível em: < http://queconceito.com.br/cidadania-2 >. Acesso em: [data-na-qual-o-artigo-foi-visto]

Relacionados Cidadania