Conceito de Assepsia

ECA_043O termo assepsia se refere à ausência de micróbios ou de infecção. Isto é, quando se diz que algo ou alguém é asséptico significa que está livre de micro-organismos que provocam infecções ou doenças.

O termo pode ser empregado de forma indiferente tanto em situações médicas como cirúrgicas. Portanto, normalmente quando se fala de assepsia existem dois tipos: a assepsia cirúrgica, que envolve a esterilização completa e a ausência total de bactérias em uma determinada área de uma instituição médica que realiza intervenções cirúrgicas; e a assepsia médica, que consiste na proteção dos pacientes e dos profissionais da saúde com o objetivo de evitar infecções, ou então, neutralizar a ativação de algumas já combatidas devido à transmissão de micro-organismos patógenos que pode ser causado por pessoas que interagem num hospital: enfermeiros, visitas, médicos, pacientes, entre outros.

Entre as técnicas que contribuem para a disseminação dos vírus hospitalares estão os seguintes: uso indevido de antibióticos, pois os micro-organismos se tornam resistentes e assim o antibiótico não surte mais efeito; emprego de técnicas invasivas ou extremamente agressivas; e o trânsito constante de pessoas que entram e saem dos hospitais.

A melhor forma de contribuir para um ambiente asséptico é desenvolver hábitos higiênicos, lavar as mãos constantemente, esterilizar os materiais, usar luvas e máscaras sempre que necessário, e em caso de ser funcionário de uma instituição hospitalar, usar uniforme.

No entanto, a técnica que trata de estabelecer este tipo de condição livre de germes e infecções se chama técnica asséptica.

>> Próximo - Que Conceito >>


Relacionados Assepsia