Conceito de Alienado

AlienadoO termo alienado se refere à pessoa que sofre de alienação. Basicamente, alienação é um distúrbio psíquico muito comum que afeta as pessoas e consiste na perda da razão, seja temporariamente (dura certo tempo, mas depois a pessoa se restabelece e volta ao normal) ou permanente (afeta o indivíduo para sempre).

A pessoa alienada é caracterizada pela perda de identidade. Isto quer dizer que o indivíduo suprime sua personalidade e se torna maleável ao mundo externo. Não age em função do ser próprio ser e atua de maneira totalmente contrária devido ao seu estado de alienação.

Várias causas ou situações podem terminar na alienação de uma pessoa. Geralmente quando um indivíduo é submetido a muita pressão pode cair em estado de alienação.

Por exemplo, a situação econômica, política ou social de uma pessoa pode levá-la à alienação.

Este conceito tem sido abordado a partir de diversos ângulos. Tanto a sociologia, como a religião e a psicologia, entre outras disciplinas, tratam deste fenômeno.

No entanto, o filósofo alemão Karl Marx foi um dos que mais estudou esta situação e a propagou através de seus livros e discursos.

Marx afirmava que a propriedade privada era a causa primordial de alienação da classe baixa e oprimida pela sociedade. Ou seja, as classes sociais determinavam a alienação por causa de suas posses.

A proposta de Marx para superar este estado era o banimento das classes e a diferenciação das mesmas.

Embora seja normal usar essa palavra, é importante destacar que existem outros termos mais populares, tais como louco, perturbado, demente, desequilibrado, etc.

O estado oposto de alienado é de equilibrado, que se caracteriza pela pessoa que tem equilíbrio e é dominada pela prudência e sensatez.

>> Próximo - Que Conceito >>


Relacionados Alienado